Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Gasolina LowCost - Bom ou Mau?

por Baratinha, em 19.02.15

Desmistificar o LowCost.

 

Todos os que acham que LowCost é sinónimo de qualidade enganam-se. A minha bomba de eleição passou a ser a Prio Energy, que conheci em 2009 e comecei a usar. Fica muito mais barato e os consumos do meu carro são óptimos só para não falar que o meu carro não tem qualquer tipo de avarias desde esse tempo.

 

A Prio esclarece bem o que fornece através do seu site.
www.prioenergy.com/

 

Existem mais bombas LowCost como as do Jumbo que estão sempre cheias mas a Prio inspirou-me confiança e provou durante estes 6 anos que a uso que, não "danifica" o meu carro, ou piora os seus consumos.

Experimentem! Eu estou satisfeita.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Formação Grátis "Como Criar um Blog?"

por Baratinha, em 02.02.15

Descobri algo que me vos pode interessar muito, pelo menos a mim interessa imenso!

 

sfsfsfvsv.png

 

Na próxima edição dos Cursos CulturAlegro, Ricardo Martins Pereira, autor do blog “O Arrumadinho” dará formação de como criar plataformas blog.

Vão poder aprender como criar um blog e como geri-lo da melhor maneira. Desde os horários das publicações ao tipo de conteúdos que devem colocar.

 

Eu vou estar presente!

 

O evento é gratuito e decorre nos dias 11, 18 e 25 de fevereiro das 10h30 às 12h30, na Experience Box do Centro Comercial Alegro Alfragide.

 

Inscrição prévia:

  • no Balcão de Informações,
  • através do 217 125 403
  • cliente.alegro.alfragide@auchan.pt
  • www.alegro.pt

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Sugestão de Perfume... Equivalenza!

por Baratinha, em 31.01.15

Alguns dias atrás fiz uma bela compra na Equivalenza, ​​descobri a minha preferência para perfumes florais . Agora ao passar na loja da Equivalenza Laranjeiro descobri um monte de fragrâncias da família olfativa floral frutado. Experimentei várias diferentes:

 

 

Comprei o nº055 , uma fragrância floral frutal amadeirado , que eu achei muito feminina, e ousada. Disseram-me que tem notas de pêssego, uva, manga, violeta, musk e âmbar.  

Eu acho que é igual à minha Eau My Gold, Paco Rabanne.

 

Mas também experimentei e adorei  o nº184, que é uma fragrância de contrastes e de grande riqueza olfativa, que gradualmente revela seus acordes citrus, floral e chypre . Gostei, porque é clássico e muito sedutor. Parece perfeito para um jantar especial ou de negócios.

Lembra-me bastante Eau du Soir de Sisley.

 

 

O melhor disto é que cada perfume custou-me  € 12,50 (50 ml), com o frasco incluído. Quando acabar  volto a recarregar por menos 1€ .

Sou fã incondicional da Equivalenza, que bela a hora que chegou ao mercado. Poupou-me dinheiro e deixa-me a cheirar LINDAMENTE!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Cultura Grátis

por Baratinha, em 14.01.15

Neste ano 2015 prometi a mim mesma continuar a encher-me de cultura e descobri coisas fascinantes.

 

Descobri que neste ano 2015, diversas obras culturais entraram em domínio público ao perderem os direitos “copy right”. Desta forma estes registos ficaram disponiveis para uso e replicação grátis.

 

A lista de autores que têm agora as obras disponíveis pode ser encontrada aqui.

 

Para mim, a obra mais sonante que entrou agora em domínio público é “O Principezinho” de Antoine Saint-Exupéry.

Descarrega aqui esta obra.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mobílias Low Cost

por Baratinha, em 12.01.15

Enquanto o mercado das mobilias e decoração de casa gira à volta do IKEA deparei-me com algo super-interessante e inovador...

pal12-550x423.jpg

pallet_16.jpg

pallet_20.jpg

pallet_21.jpg

pallets.jpg

sofa-branco-de-paletes.jpg

 

Fazer os próprios móveis através de paletes.

Construir móveis a partir de paletes para além de uma excelente ideia é também um desafio de criatividade e imaginação.

Se por um lado há muitos fãs das paletes que têm oportunidade logística de criar este tipo de mobília pelos seus próprios meios e mãos, existem muitas pessoas que não têm espaço físico nas casas ou não têm o tempo necessário para se dedicarem a este tipo de bricolage mas que no entanto anseiam por também terem em sua casa este tipo de decoração tão amiga do ambiente e da carteira.

 

Tomei a liberdade de elaborar uma lista de empresas que fazem a transformação das paletes de madeira em mobília:

 

 

Déja Vu

Criamos, construímos e personalizamos todo o tipo de mobiliário em madeira reciclada de paletes.
Assim como nos dedicamos ao restauro e reciclagem de todo o tipo de mobiliário.

Localização: Tapada das Mercês

Contacto:
Email: dejavu.reciclagem@gmail.com

 

 

Paletes aos Molhos

Comercializamos arte feita através de paletes.

Aceitamos encomendas e ideias.

Contacto:
paletesaosmolhos@gmail.com

 

 

Dois mais um

Reciclamos paletes de madeira para decoração.
Mesas e cadeiras, camas e sofás, armários e estantes, fazemos projectos inteiros e ajustáveis às necessidades dos clientes.

Localização: Vila Nova de Gaia - Porto, Portugal

Contactos:
Inês Castro Pereira, 918556431
Joana Rodrigues, 912018249
Paulo Silva, 914547154

Email: twoplusone.2mais1@gmail.com

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Fazer exercício a poupar

por Baratinha, em 10.01.15

FITNESS-HUT-logo-move-now-horizontal-pantone-2945-

 

Conhecem os ginásios Fitness Hut? Existem 11 ginásios espalhados por Portugal deste novo conceito, Ginásios Premium Low Cost.

São ginásios de qualidade a preços baixos.
Eu já andei em ginásios em que pagava 20 euros mensais mas pequenos, com pouca qualidade e sabe deus que tipo de seguro de saúde.

Tomei conhecimento do Fitness Hut e são excelentes, máquinas novas, instalações novas, funcionários com habilitações e experiência, não podia pedir melhor.
Existe a modalidade de pagamento à semana que para mim é muito vantajoso. Uma semana que estou com menos disponibilidade horária posso não ir e voltar na seguinte com preços óptimos ( a partir de 4,4€ ).

fithutlowcost.png

 

Deixo aqui o site para se informarem melhor: https://www.fitnesshut.pt

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Depois no Natal e Ano Novo dei por mim com uns quilinhos a mais. Já era de esperar mas não resisto a um belo doce.
Acabou a época de comer tudo. Agora é hora de voltar ao peso que tinha antes destas comidinhas todas que levei à boca.

Um amigo meu, que é nutricionista, deu-me algumas dicas que quero partilhar convosco.


1. Não comecem a dieta com uma obsessão pela balança. Devemos deixá-la de lado enquanto fazemos a dieta. Quanto mais pensar no peso, mais ficarei frustrada e com vontade de comer. Tudo voltará ao normal aos poucos, importante é descontrair.

2. Comam menos calorias ou queimem mais calorias. Como sempre ouvi dizer "Ou corres ou fechas a boca". Para muitas pessoas é difícil privar-se de comer, então o melhor é começar a fazer mais exercício físico para queimar todas as calorias que não nos conseguimos privar de ingerir. Fazer alongamentos é uma boa forma de perder calorias, assim como fazer exercício no frio. Com as baixas temperaturas, o corpo vai buscar as calorias a mais para conseguir manter a boa temperatura do corpo. 

3. Sejam positivos e riam. Ter uma atitute positiva e rir liberta endorfinas que reduzem o nervosismo, e por consequência, reduzem a sua vontade de comer. Devemos comemorar cada vez que atingimos um objetivo.

4. Comam alimentos frescos. Acabar com as conservas e todos esses alimentos industrializados é um dos passos. Comprem legumes, frutas, peixes, carnes, etc... frescos. Além de melhores em qualidade e gosto, permitem que o corpo se canse menos. Lembrem-se que é recomendado comer 5 frutos e legumes por dia

5. Tomem um bom pequeno-almoço. A primeira refeição do dia é muito importante para que o corpo possa regular o apetite nas refeições que se seguem. Coma sozinho sempre que possa, isso evita os excessos. E estabeleça horários para as refeições. Um corpo bem regulado é um corpo são. 

6. Para o lanche, comam cereais com leite magro ou iogurte natural, ou até mesmo um sumo de frutas, em vez de uma sandes de queijo e fiambre, umas torradas ou o pastel de nata ali do lado. Façam um esforço.

7. Substituam os refrigerante, o álcool e as bebidas ricas em açúcar por ÁGUA. Muita, muita água. Para mim um passo díficil porque eu amo Coca-Cola mas os resultados de só beber água são óptimos.

8. Lavem os dentes após cada refeição. Não tenham vergonha de levar a escova e a pasta na mala, os outros é que deviam ter vergonha de não lavar os dentes. Esta técnica, além da boa higiene, permite que não voltem a comer durante um bom bocado, pois a pasta dos dentes altera negativamente o sabor dos alimentos. 

9. Distraiam-se sempre que tiverem fome. Quando tiverem aquela sensação de fome que não sabem bem de onde vem, é só mesmo 'vontade de comer', distraiam-se. Leiam, vejam um episódio de série, joguem um jogo. Ficarão concentrados na tarefa e não mais pensarão na 'fome'Saiam bastante, o facto de não ficar em casa também ajuda pois em casa dá sempre aquela vontade de ir petiscando ali e acolá. 

 

Estas são só umas dicas para ajudar, o resto está na nossa força de vontade. Bora lá começar a preparar a linha para este Verão.

 

dieta_home1.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


As minhas dicas para os Saldos!

por Baratinha, em 08.01.15

Sabem qual o meu truque de Natal?

Add text (1).png
Juntar o dinheirinho que recebi no Natal (ou guardar algum que não gastei no mês de Dezembro) e esperar pelos Saldos.

Mas lá por serem saldos não quer dizer que eu não tenha que fazer uma gestão nas contas e nas escolhas.

 

 

As minhas dicas 

  1. Começar por arrumar o guarda-roupa, para perceber aquilo tenho e aquilo que preciso. No final, faço uma lista com o que me faz falta.
  2. Para evitar compras desnecessárias, antes de sair de casa, estabeleço um limite do dinheiro que penso gastar.
  3. Saldos? Vou sempre nos primeiros dias, de modo a ter hipóteses de encontrar as melhores peças, no meu tamanho. (Aconselho irem de manhã é a melhor altura do dia para se aventurar nas lojas, que estarão mais vazias e arrumadas.)
  4. Para ir aos saldos visto-me de forma prática e levo calçado confortável. Já sei que vou andar bastante e experimentar muita roupa.
  5. Qualidade versus Preço, se quero investir numa peça para durar as próximas estações, estou disposta a pagar mais algum dinheiro por ela. Ir aos saldos não implica comprar apenas as coisas mais baratas, trata-se de fazer boas compras.
  6. Tento saber sempre o preço inicial da peça, para perceber o real desconto da mesma e assim percebo se estou a fazer um bom negócio.
  7. Por vezes apaixono-me por uma peça, mas tenho sempre que me questionar de que forma posso conjugar com as peças que já tenho ou em que ocasiões vou utilizar. Às vezes chego à conclusão que aquela blusa ou saia corre sérios riscos de ficar arrumada num canto do armário.
  8. Compro a pensar na estação seguinte. Ao comprar roupa para o Verão, nestes saldos de Inverno, não gastarei dinheiro em roupa em Junho e assim invisto numas belas férias.
  9. Experimento sempre as peças, por maior que seja a confusão! Odeio trazer números maiores ou menores só porque o preço é tentador, o mais certo será nunca vir a dar-lhe uso
  10. Se nos próximos meses tiver um casamento, batizado ou outra ocasião especial, vale a pena adiantar-me e procurar o vestido perfeito, que posso encontrar a preços bastante mais acessíveis.
  11. Investir em básicos é sempre a mais-valia dos saldos. A época de saldos é a melhor para investir no clássico vestido preto, na camisa branca, no casaco de inverno ou nos sapatos de que preciso.

O que Comprei nestes Saldos de Inverno:

  • Gabardine
  • Blazer
  • Calças de ganga
  • Fato completo
  • Vestido de festa
  • Calças clássicas
  • Casaco quente
  • Saia lápis
  • Sapatos pretos ou beges de salto alto
  • Camisa branca de manga comprida

Autoria e outros dados (tags, etc)


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Posts mais comentados